No Olhar do Veterinário Macaense

"O Tempo que Passa Não Passa Depressa, o que Passa Depressa é o Tempo que Passou!"

Saturday, January 29, 2005

Publicidade aos Amigos

Depois de deixar a vida de estudante, comecei a ver aos poucos o mundo profissional. E nada melhor do que começar por saber como vender o meu "peixe"... aqui está algum dos resultados da minha pesquisa:

Sara Santos



Hugo Gregório


Se alguém quiser fazer alguma publicidade e/ou que saiba da existência de mais algum colega nosso que esteja publicado na net, avisa-me. Eu não me importo de ajudar! ;) Eu vou já fazer um para mim! :)
CHAU, 1:53 PM | CHAUlink |

Friday, January 21, 2005

O Impossível Aconteceu: o CHAU Acabou o Curso!


Dia 18 de Janeiro de 2005! O Dia do Tudo ou Nada! Todo o mundo veterinário na expectativa porque estava iminente a formação do primeiro médico veterinário macaense do ICBAS! O nervosismo era a sensação predominante enquanto a casa de banho, o local mais frequentado. Tudo que consumia (uma gota de água que fosse), saía com uma pinta que mais parecia o Ferrari conduzido pelo Schummacher. Um telefonema da minha família de Macau a desejar-me boa sorte acalmou-me. A Ana estava a ser comida pela ansiedade e já não conseguia esconder o seu nervosismo. A amiga Sónia dava-me palavras de apoio sem conta.


Eu, Ana e Sónia

O caminho a Vairão parecia muito curto tal foi a rapidez com que nós chegámos ao ICAV. A primeira cara que eu vi foi do Prof. Ataíde que sorriu para a Ana (sim, não foi para mim! :). O MG do Tiago já tava lá estacionado. Fui o último dos três que iam apresentar a chegar.

Joana, Eu e Tiago

A Joana que ia ser a primeira a apresentar tava um bocadinho stressada com o portátil e com a mãe que tinha uma consulta às 15h. O Tiago como quem previa uma saída triunfal, tava calmíssimo. Eu... fui à casa de banho outra vez! ;) O Dani-Boi também já tinha chegado mas tava entertido a conversa com "algumas colegas" nossas. :)


Tiago, Dani e Eu

O que tava previsto começar às 14h, só começou às 15h30 por atraso do Dr. Camacho que veio de Mafra. Mas ele depois justificou o atraso: "Tenho aqui este condutor que é do Porto mas que não conhece as ruas do invicta...". Coitado do Xico! E assim se deu o início à maratona de apresentações. A Joana com o seu estilo inconfundível (principalmente aquela vozinha doce) apresentou praticamente sem falhas. Os 25 slides desapareceram num instante. Safou-se muito bem nas perguntas. A partir daí, fiquei logo com a ideia de como vou ser massacrado pelos dois gladiadores. O lado oposto tava a Prof. Colette que atenuava tudo com as suas palvras de mel. Quando eles fizeram a pausa para decidir a nota da Joana, foi quando o meu nervosismo chegou ao pico! Parecia uma barata tonta a andar um lado para o outro enquanto o público (i.e. Ana, Sónia, Dani, Xico, Tiago, Joana e amigas) gozava comigo. Pelo meio ainda dei um malhanço monumental que ainda animou mais a malta. O meu Powerpoint (de 77 slides!!!) já tava pronto há muito. Mas eu nem conseguia lembrar dos agradecimentos que tinha de dizer dentro de momentos. A tensão chegou ao máximo. De repente, entraram os 3 de novo ao auditório, a abrir... "Okay, Roberto, é a sua vez!" Oh, Meu Deus! Tou f*dido! Pensei logo para mim! Afinal eles disseram a nota à Joana fora do auditório. Ela teve um excelente 18! Essa nota obrigou-me indirectamente a fazer um show sem erros porque ia ser sem dúvidas uma apresentação e defesa comparada à da Joana. Eles tavam todos com uma cara que mais parecia que estava lá para me julgar do assassínio de um membro da família deles. Como eu disse, os agradecimentos que tinha preparado fugiram do meu pequeno cérebro e por isso tive de inventar à pressão uns novos mas ficou um bocado sem nexo. Mas a minha apresentação até correu mais ou menos (deve ter feito os 77 slides em 25 minutos!) mas a seguir veio logo um massacre de perguntas sem respostas (porque eu simplesmente não sabia responder!)... uiiiii, até doeu! O Dr.Camacho fez-me umas 30 perguntas e o Prof. Ataíde fez poucas mas todas duras de roer! "Quantos metros de profundidade tinha a piscina dos cavalos no Macau Jockey Club?" deixou-me boquiaberta! "A máquina de Shock Wave tinha uma cruz vermelha?" deixou-me KO! Devo ter feito uma figura de parvo... ou melhor, de mudo! Foi um sofrimento do caraças.


O Momento do Massacre

Depois disso tudo, apesar da má performance, senti que não ia chumbar pelos parabéns que eles me deram pelo relatório e pela apresentação por isso foi um alívio total. Senti toda a pressão a desaparecer e as responsabilidades que eu tinha sobre os meus ombros nos últimos 8 anos e tal a ir pó car*lho.... Uffffffffffff! A nota só me foi imformada após meia hora de reunião entre os jurís. "Roberto, vai ter de repetir o estágio... hehe! Nah... ficou com 17 por unanimidade! Parabéns!" disse a Prof. Colette com a sua voz doce. Nem conseguia acreditar! Em 7 anos e tal de curso, nunca tirei uma nota superior a 16... foi preciso esperar até o último dia da minha vida universitária! A verdade é que nunca é tarde de mais! Até me soube muito bem porque deu para subir a minha média do curso para 13! Hehehehe! Lindo! Que dia inesquecível! Para completar a felicidade, o meu amigão Tiago, que lutou comigo durante estes últimos meses para ultrapassar todos os obstáculos que nos apareceram à frente, acabou por tirar um 19! Excelente! Empatou o recorde do Pinhetas! "Estou abalado!" disse ele enquanto a Prof. Colette o felicitava. Que dia! Vou lembrar disso tudo para o resto da minha vida! Quem diria, o CHAU acabou o curso...!!! ;)


P.S. Já estou com saudades da minha vida de estudante! Tou velho, CARAGO! ;)
CHAU, 1:29 PM | CHAUlink |

Monday, January 17, 2005

Fim de um Ciclo Longo, Cansativo mas Espectacular



Esta foto mostra o começo de um ciclo que poderá fechar-se já amanhã! Sim, o Caloiro CHAU nessa foto amanhã poderá tornar-se no Doutor CHAU! Decidi escrever isto aqui para partilhar a minha felicidade (com um bocado de tristeza à mistura!) com toda a gente que lê este blog. Hoje poderá ser o meu último dia como estudante na minha vida inteira! 8 anos e tal depois, um dos maiores objectivos da minha vida poderá concretizar-se... Apesar de querer ser eternamente estudante e jovem, espero que amanhã tudo corra bem e tornar-me no primeiro veterinário macaense formado no ICBAS.

Beijinhos para as fêmeas e abraços para os machos! ROBERTO CHAU

P.S. Rezem por mim! Amanhã vou ser massacrado que nem um macaense... ;) Depois digo se passei ou não! Se virem ou ouvirem notícias de um macaense bombista que se suicidou rebentando a bomba que tinha atado no seu corpo na Torre das Antas... já sabem que é esse indivíduo! :)
CHAU, 5:26 PM | CHAUlink |